Pular para o conteúdo

Quando você entra em uma academia e fecha um pacote para malhar por 6 meses, por R$ 89,00 mensais, o que você está fazendo é um pagamento com recorrência.

Porém, o que seria o pagamento recorrente no Marketing de Afiliados?

Neste post, vamos explicar como funciona o pagamento em recorrência e como obter lucro com ele.

O que é o Pagamento Recorrente no Marketing de Afiliados?

A princípio, a recorrência era inexistente no Marketing de Afiliados. As empresas que atuavam no e-commerce queriam apenas vender seus produtos e isto já estava bom demais.

No entanto, como tudo no mundo digital se modifica constantemente, a forma de pagamento e a relação de consumo via web também passou a ter outras vertentes.

A Livraria Leitura, criou o Clube da Leiturinha, por exemplo.

Se trata de uma forma de consumo, onde os pais pagam uma taxa mensal e recebem, em casa, livros indicados para a faixa etária dos seus filhos.

Porém, criar um produto de pagamento em recorrência, requer alguns cuidados.

recorrência

Como criar um produto em recorrência?

Antes de criar um produto de pagamento recorrente, é preciso que você se coloque no lugar do seu cliente. Tente enxergar valor nas respostas para os seus questionamentos, como:

  • Quais os motivos que irá fazer com o cliente se disponha a pagar todo mês pelo que eu oferto?
  • O produto ou serviço que ofereço pode ser adquirido sem precisar de um pagamento recorrente? Se sim, o que eu posso oferecer para fidelizar meu cliente?

Vamos dar algumas dicas de como obter sucesso criando seu produto com pagamento em recorrência.

1- Quais são os meus diferenciais?

Para levar alguém a se dispor a pagar periodicamente para ter acesso ao seu produto ou serviço, você precisa ter um diferencial.

Voltemos ao exemplo do Clube da Leiturinha. A Leitura oferece, por um valor mensal, um número x de exemplares de livros infantis.

No entanto, o diferencial é que quem faz essa assinatura, recebe os livros com um preço menor do que se fosse comprá-los separadamente.

Além disso, lá você preenche um formulário com os dados da criança que irá receber os livros. Depois, a Leitura envia livros que condizem com a idade da criança e de acordo com o acompanhamento pedagógico que ela precisa.

Perceba que a vantagem não está somente na comodidade de receber uma certa quantidade de livros por mês em casa.

E este diferencial que é o sucesso do negócio da Leitura!

Para ter sucesso na sua recorrência, você também precisa proporcionar diferenciais.

2 – Produto Físico ou Digital?

Há a possibilidade de se ter recorrência nos dois casos.

No caso do físico, você pode vender cápsulas de emagrecimento, por exemplo.

Porém, neste caso, o cliente receberá uma determinada quantidade de cápsulas por mês, por um preço menor do que se ele fosse comprar separadamente.

No entanto, no caso dos produtos digitais, você pode vender, por exemplo, um curso de violão.

Sendo assim, como se trata de um curso, basta que você o separe em módulos, como: iniciante, intermediário, e avançado.

Só de serem graus de instrução diferentes, já fica claro o motivo da recorrência: A evolução gradativa na técnica de se tocar o instrumento.

3 – Use e abuse dos Gatilhos mentais.

Já temos um post bem completo em nosso blog sobre gatilhos mentais. Recomendo que você dê uma lida nele.

Entretanto, gatilhos mentais são basicamente as decisões que nosso cérebro toma no “piloto automático”. Essa técnica de vendas é utilizada amplamente no Marketing Digital.

Porém, nos produtos de recorrência deve se ter uma atenção especial aos gatilhos mentais. Pois, como já dissemos anteriormente, o cliente precisa entender que é vantajoso para ele comprar algo com pagamento em recorrência.

Um gatilho muito utilizado na recorrência é o da escassez.

Como o próprio nome diz, ele busca gerar no cliente o sentimento de escassez, de que ele está perdendo uma oportunidade incrível.

Você pode dizer, por exemplo, que está vendendo um curso para iniciantes no Marketing Digital e que restam poucas vagas.

Dessa forma, você gera escassez no seu cliente.

4 – Guarde sempre uma carta na manga.

Depois que o cliente considerar adquirir seu produto ou serviço com pagamento em recorrência, é preciso que você faça com que ele sinta que deve permanecer.

Criar um negócio com pagamento recorrente, adquirir um número astronômico de clientes e depois ter uma taxa de abandono exorbitante, é sinônimo de fracasso.

Sendo assim, você precisa ter em mente que todos os meses o cliente irá pensar: Eu pago isso pra que mesmo?

Dessa forma, fica fácil notar que este cliente precisa ter motivos para continuar na recorrência. Assim, é importante você sempre ter uma carta na manga.

Se você vende um curso que é necessário a conclusão de determinada quantidade de aulas por mês, diga nas últimas aulas que no próximo módulo ele irá aprender uma técnica revolucionária, por exemplo.

5 – Invista em Relacionamento com o seu cliente.

A recorrência talvez seja a forma de vender no Marketing Digital que exija mais relacionamento. No entanto, quando digo relacionamento, me refiro a forma mais humana possível.

Enviar e-mails também é uma forma de se relacionar. Porém, ela é mais distante e a recorrência exige um contato mais humano.

Por exemplo, se você vende produtos de emagrecimento em recorrência, que tal ligar para o seu cliente? Pergunte se ele está tendo os resultados esperados e quais dificuldades ele está enfrentando ou se ele mudou seus hábitos alimentares.

Isso gera reciprocidade no seu cliente.

Sendo assim, ele passa a pensar: “Poxa, essa empresa se preocupa comigo como nenhuma nunca se preocupou”.

Ele pode até não está tendo os resultados que ele espera.  Porém, ele estará disposto a continuar na sua cartela de clientes pelo simples fato de sentir que alguém se preocupa com ele.

6 – Crie autoridade

Se você não é autoridade no produto ou serviço que quer vender recorrentemente, corre o risco de diminuir sua taxa de conversão.

Para que alguém esteja disposto a comprometer uma parte da sua renda periodicamente com um produto ou serviço, ela precisa de credibilidade.

Você se interessaria mais em fazer um curso de canto indicado pela “Maria Aparecida” ou pela Maria Bethânia?

Pois bem, este é o mesmo pensamento do seu cliente!

Um exemplo de recorrência é a assinatura de revistas. A Revista Veja é a que mais vende assinaturas no Brasil.

Fica fácil notar que ela atinge estes resultados, porque se tratando de revista de noticiário semanal, ela é a referência nacional.

Conclusão

A recorrência é uma modalidade do Marketing Digital que vem se mostrando cada vez mais eficiente!

Muitos produtores têm migrado para este tipo de produto e serviço. No entanto, é preciso que se tome alguns cuidados para atingir o sucesso.

Assim, já revelamos alguns segredos para vocês.

Que tal agora começar a pensar nessa nova modalidade de negócio?

Conte conosco!

Artigos relacionados