Pular para o conteúdo

Há algum tempo o termo Inbound Marketing vem ganhando cada vez mais força dentro das grandes corporações. Mas o que significa Inbound Marketing? Como aplicar ele no meu negócio? Funciona mesmo?

Esta postagem visa responder estas perguntas. E mais do que isso, fazer você pensar em como aplicá-lo ao seu negócio.

 

O que é o Inbound Marketing?

Portanto, o Inbound Marketing, nada mais é do que o Marketing de Atração. É quando o cliente vem até você interessado no que você tem a oferecer para ele. Quem teve a oportunidade de viver nos anos 90 e 2000, certamente se lembra dos panfletos. Aqueles papeizinhos que se distribuía na rua e que tinha como margem de interesse 1/1000. Isso mesmo! De cada 1.000 panfletos distribuídos, somente um era convertido em interesse do consumidor.

Entretanto, no Inbound Marketing seu “panfleto” é distribuído quando o cliente vem até você. É como se ele chegasse e falasse: Estou aqui, o que vc tem pra me oferecer?

Como implementar o Inbound Marketing?

A implementação o Inbound Marketing vai depender do que você tem que ofertar para o seu cliente. Quando ele vem até você e você consegue impacta-lo a ponto dele pedir seu “panfleto”. Nós temos o que chamamos de Lead.

Sendo assim, é preciso que você saiba de algumas informações que qualifiquem o seu Lead. Para que sua estratégia de Inbound Marketing obtenha uma taxa de retorno positiva. Tenha a percepção do preço do seu produto. Qual a renda média do consumidor que poderá adquiri-lo. Quais páginas que abordam o que o cliente que tem a necessidade do seu produto acessaria.

,Quais os benefícios do Inbound Marketing?

Hoje a principal ferramenta de busca na internet é o Google. E utilizamos ele tanto pra saber se vai chover na praia Domingo, quanto para buscarmos possíveis soluções para diminuir as dores de uma Artrose, por exemplo.

Sendo assim, se a sua Landing Page estiver bem posicionada no Google. E o seu produto for a venda de cápsulas com vitamina D, por exemplo, a chance deste cliente vir até você é muito alta. Pronto! Este é o Inbound Marketing.

Contudo, fica claro os benefícios do Inbound Marketing. Chega de ficar dando tiro no escuro. Gastando quantias absurdas em publicidades que atingem a grande massa, mas pouco converte em vendas. O Inbound Marketing não é o futuro! É a realidade das corporações que pretendem se manter sólidas no mercado.

Fonte: RD

 

O Passo a Passo do Inbound Marketing

Para que se tenha uma estratégia de Inbound Marketing de sucesso, é necessário seguir estes 4 passos básicos. Que também são chamado de Funil de Vendas.

1 – Atrair: Para conseguir efetuar uma venda on line, é preciso que primeiro você atraía seu cliente. Uma das formas mais eficazes é fazer com que ele se torne um visitante recorrente da sua página. Para conseguir essa recorrência é preciso que você gere conteúdo que seja relevante para o seu público alvo.

2 – Converter: Mas conseguir um grande número de visitantes não te assegura um retorno satisfatório, no que diz respeito ao número de vendas. Para que isso ocorra, é necessário que você transforme o visitante em Lead. Que nada mais é do que contatos que representam potenciais consumidores do seu produto.

3 – Vender: O processo de venda, passa invariavelmente, pela sua capacidade de criar identidade com o cliente. Para isso é preciso que você já tenha o nutrido com conteúdo relevante. Ou seja, conteúdo que tenha a ver com a sua necessidade e que o faça criar identidade com seu produto/proposta.

4 – Fidelizar: É preciso entender que a sua relação com o cliente não termina após a compra. É preciso ofertar a ele um pós vendas que o encante. Pense comigo: O cliente que já passou por todas as etapas do Funil de Vendas está muito mais apto a convencer outra pessoa a comprar seu produto do que as estratégias que você elaborou. Um cliente satisfeito tem o poder de recomendar a sua marca e trazer outro consumidor em potencial pro final do seu funil de vendas. Essa é uma métrica de sucesso: Fazer com que um cliente seu faça o Inbound Marketing para você. Por isso, invista em pós vendas.

“Em alguns anos vão existir dois tipos de empresas: As que fazem negócios pela Internet e as que estão fora dos negócios.”

Bill Gates

Artigos relacionados