Pular para o conteúdo

Quem trabalha com o mercado de afiliados sabe da importância das campanhas de tráfego pago. E, dentro deste contexto, o Facebook Ads é uma das ferramentas essenciais para quem investe em anúncios.

Porém, se você está dando os primeiros passos na sua jornada como afiliado, o Facebook Ads ainda pode ser um mistério. E o objetivo deste artigo é te mostrar como é simples criar as suas primeiras campanhas nessa plataforma.

Preparado para criar a suas campanhas no Facebook Ads?

Então vamos lá!

O que é preciso para criar anúncios no Facebook?

Para começar a criar os seus primeiros anúncios no Facebook, você precisa ter uma conta, ou seja, um perfil pessoal cadastrado na plataforma e, a partir dele, você precisará criar uma Página.

Você não conseguirá anunciar se não tiver uma página.

Neste artigo do Facebook, você aprende o passo a passo para criar uma página.

O perfil também te permite ter acesso ao Gerenciador de Anúncios e ao Gerenciador de Negócios.

Enquanto no Gerenciador de Anúncios você tem acesso apenas às ferramentas que dizem respeito à parte de anúncios, no Gerenciador de Negócios você tem acesso a uma plataforma de gerenciamento de páginas, perfis do Instagram, contas de anúncio e muito mais.

Se você quiser saber um pouco mais sobre cada uma delas, confira os artigos da Central de Ajuda do Facebook:

Como criar um Gerenciador de Negócios

Gerenciador de Anúncios do Facebook

Para começar a anunciar, você pode usar simplesmente o Gerenciador de Anúncios, para dar os seus primeiros passos e se familiarizar com a ferramenta.

Quando você estiver mais adaptado, poderá criar o seu Gerenciador de Negócios e ter uma visão mais completa das ferramentas oferecidas por ele.

Partindo desse princípio, vamos focar o restante deste artigo nos caminhos para o Gerenciador de Anúncios, ok?

A estrutura de uma campanha no Facebook Ads

Antes de partirmos para o passo a passo, é preciso explicar como funciona a estrutura de uma campanha no Facebook Ads.

Ela é dividida em três níveis: Campanha, Conjunto de Anúncios e Anúncios.

A seguir vamos explicar cada um desses níveis e a sua função dentro da sua estrutura.

Campanha

A campanha é o nível mais “alto” da sua estrutura de anúncios. É na campanha que você define qual o seu objetivo: Tráfego, Conversão, Visualização de vídeo, dentre outros.

Aqui é importante definir o objetivo correto, para que o Facebook otimize a entrega dos seus anúncios para as pessoas corretas, ou seja, aquelas que tem a maior probabilidade de realizar a ação esperada por você.

No Marketing de Afiliados trabalhamos principalmente com os objetivos de Tráfego, Conversão, Visualização de Vídeos e Mensagens.

Se o seu objetivo é apenas enviar tráfego para a sua página de vendas, escolha o Objetivo de Tráfego.

Se o seu objetivo é vender, você deve escolher o objetivo de Conversões.

Se deseja apenas que o seu vídeo seja visto pelas pessoas certas, escolha Visualização de Vídeos.

E se o seu desejo é que as pessoas enviem mensagens para o seu Whatsapp ou Messenger, escolha o objetivo de Mensagens.

Conjunto de Anúncios

No nível de Conjunto de Anúncios é onde vamos definir o público, o orçamento, a programação de duração, os posicionamentos e algumas configurações relacionadas ao custo da sua campanha.

É no nível de Conjunto de Anúncios também que você define o Pixel e o tipo de conversão que será medida em uma campanha focada em Conversões.

No caso da Monetizze, você pode trabalhar com o Pixel sendo disparado para quem exibe a sua Página de Obrigado ou quem inicia o processo de Checkout, ou seja, quando coloca o produto no carrinho.

Uma campanha pode ter vários Conjuntos de Anúncios, e você pode segmentar cada um para um tipo de público diferente.

Anúncios

Por fim, temos o último nível da estrutura, que é a parte de Anúncios propriamente dita.

É aqui que você vai enviar os seus criativos, sejam eles imagens estáticas ou vídeos e escrever as suas copies.

Você pode subir vários criativos diferentes, com copy diferentes para testar cada um deles e ver qual é aquele que está se saindo melhor.

E agora que você já sabe como é a estrutura de uma campanha no Facebook Ads, vamos colocar a mão na massa?

Criando suas campanhas no Facebook Ads

Você pode acessar o seu Gerenciador de Anúncios através do menu esquerdo da sua página inicial do Facebook, conforme a imagem abaixo:

gerenciador de anúncios

Se o caminho para o Gerenciador de Anúncios não aparecer entre essas primeiras ferramentas, basta clicar no botão Ver Mais conforme destacado na imagem.

gerenciador de anúncios 2

Ao clicar no link, você será direcionado para o Gerenciador de Anúncios, onde efetivamente você cria as suas campanhas de Facebook Ads.

Essa é a tela inicial do Gerenciador de Anúncios:

facebook ads

Se você já tiver criado algumas campanhas, elas deverão aparecer nesta tela. Mas, como para este artigo estamos usando uma conta sem nenhum anúncio, se este for o seu caso, ele deverá aparecer conforme a imagem.

Para criar uma campanha, basta clicar no botão verde “+ Criar” e seguir os próximos passos.

Campanha

Como falamos anteriormente, o primeiro passo é definir o objetivo da sua campanha.

Neste artigo, vamos usar como exemplo uma campanha de tráfego, ou seja, vamos veicular anúncios que levem as pessoas até a nossa página de vendas.

Portanto, você selecionará a primeira opção na coluna do meio, conforme a imagem.

criar campanha facebook ads

É possível dar um nome à sua campanha, portanto fique a vontade para escolher aquele que seja mais fácil de organizar dentro do seu gerenciador de anúncios.

Na tela que será exibida, você poderá definir algumas configurações relacionadas à sua campanha, tais como o nome, como falamos acima.

Se ela será uma campanha de teste A/B, ou seja, uma campanha para testar diversos conjuntos de anúncios com configurações diferentes para ver quais se saem melhor.

E também se será uma campanha com otimização de orçamento para campanha, conhecido como “CBO”.

Em uma campanha “CBO”, você define o orçamento da campanha e o próprio Facebook distribui o valor investido entre aqueles conjuntos de anúncios que estiverem obtendo melhores resultados.

Já no formato tradicional, você define um orçamento para cada Conjunto de Anúncio separadamente.

Neste momento, vamos trabalhar definindo o orçamento específico para cada conjunto de anúncio, ok?

Sendo assim, é só rolar a tela até o final e clicar no botão Avançar.

campanha facebook ads

Conjunto de Anúncio

Na próxima tela, você já estará no nível de Conjunto de Anúncios, onde definirá o público, programação, valor investido entre outros.

Você também pode nomear cada um dos seus conjuntos de anúncios da maneira que desejar.

A nossa dica é que você os organize de acordo com o público, para ficar mais fácil entender e analisar os seus resultados.

No primeiro campo, você escolherá para onde deseja enviar o tráfego dos seus anúncios.

O Facebook oferece quatro opções: Site, Aplicativo, Messenger e Whatsapp.

Como falamos anteriormente, neste exemplo vamos usar tráfego para uma página de vendas. Portanto, você deverá escolher a primeira opção: Site.

facebook ads

Neste momento, você pode ignorar os próximos dois campos: Criativo Dinâmico e Oferta. Eles não serão necessários para criar a sua primeira campanha.

Dessa forma, você pode passar para o próximo campo: Orçamento e Programação.

Aqui você define se o orçamento da sua campanha será diário ou vitalício.

No Orçamento Diário, o Facebook vai gastar diariamente o valor definido por você. Ou seja, se você definir um valor de R$ 20 diário, o Facebook gastará até esse valor por dia para entregar os seus anúncios.

Já na opção de Orçamento Vitalício, o Facebook vai gastar esse valor definido por você ao longo do tempo.

Ou seja, se você definir um valor vitalício, como por exemplo, R$ 200, o Facebook vai exibir os seus anúncios até que esse valor seja atingido.

A diferença é que, neste formato, ele pode gastar cinco reais em um dia, quinze reais no outro e assim por diante.

Neste exemplo, vamos trabalhar com Orçamento Diário, no valor de R$ 20, mas lembre-se que esse valor é só um exemplo.

É você quem deve definir o quanto quer investir de acordo com o seu orçamento disponível.

Já na parte de Programar, você pode definir o dia em que os seus anúncios começam a rodar e se será por tempo indeterminado ou se eles terão uma data para término.

Quando trabalhamos com um orçamento limitado, o ideal é ter uma data de término. Portanto, neste exemplo, vamos trabalhar com a janela de tempo de uma semana.

facebook ads

Público

Agora é a hora de definir o público dos seus anúncios.

No Facebook você pode trabalhar alguns tipos de públicos que são: personalizado, semelhante e o que chamamos de “público aberto”.

O Público Personalizado é aquele que você envia para o Facebook e pode ser através de uma base de e-mails ou utilizando segmentações criadas através do Pixel.

O Público Semelhante é, como o próprio nome já diz, um público semelhante a algum público base prévio. Ou seja, você pode criar um Público Semelhante ao de todas as pessoas que realizaram uma conversão nos últimos dias.

Ou um público semelhante a uma lista de público personalizado enviado anteriormente.

Por último, existe o “público aberto”, que aquele que você define com base em interesses e dados demográficos dentro do próprio Facebook.

Vamos usar este tipo de público neste artigo.

A melhor maneira de escolher o” público aberto” dos seus anúncios é conhecendo a persona do produto que você está divulgando.

Nós sempre falamos sobre personas em nossos artigos, pois essa é uma das bases de uma boa estratégia de marketing digital.

Com uma persona bem definida você sabe a faixa etária, os interesses, quais tipos de conteúdos ela se identifica, qual a melhor abordagem dentre outras informações essenciais para criar uma boa segmentação de anúncios.

Neste exemplo, vamos divulgar um curso de investimento para iniciantes, provavelmente entrando agora na fase adulta, que desejam começar a construir um patrimônio agora.

A persona desse produto pode ser tanto masculina quanto feminina, e para o exemplo ficar mais didático, vamos usar a masculina.

Ou seja, homens, de 18 a 30 anos, de todo o Brasil.

Eles tem interesses em investimentos, bolsa de valores e corretoras famosas do segmento, como a XP Investimentos.

campanha facebook ads

Posicionamentos

O próximo passo é definir os posicionamentos dos seus anúncios, ou seja, onde eles serão exibidos para o público definido por você.

O Facebook Ads trabalha como vários posicionamentos, sendo alguns deles os Feeds do Facebook e do Instagram, nos Stories, Feeds de Vídeo, Marketplace, dentre outros.

Neste exemplo, vamos marcar a primeira opção, Posicionamentos Automáticos, e deixar que o Facebook entregue os seus anúncios naqueles posicionamentos que estiverem rendendo os melhores resultados.

Otimização e Veiculação

Por fim, você pode definir os critérios de otimização do seu conjunto de anúncios.

No objetivo de Tráfego, o Facebook Ads oferece quatro opções de Otimização para Veiculação de anúncio: Cliques no Link, Visualizações de Página de Destino, Alcance Único Diário e Impressões.

Ele fará a otimização dos seus anúncios de acordo com o que for escolhido aqui. Ou seja, ele tentará entregar os seus anúncios para as pessoas com a maior probabilidade de realizar a ação, seja ela clicar no link do anúncio, visualizar a página de destino, alcançar o maior número de pessoas no dia ou o maior número de impressões.

Para este exemplo, vamos usar Cliques no Link.

facebook ads

Na opção Controle de Custo, você não precisa colocar nada. Como essa é a primeira campanha, ainda não temos dados que nos permitam definir qual é o nosso CPC, ou seja, Custo Por Clique.

Feito todo esse processo de definição de público no conjunto de anúncios, clique em Avançar.

Anúncio

Agora chegou a hora de criar o seu primeiro anúncio.

Como nas partes de campanha e conjunto de anúncios, você pode dar um nome para o seu anúncio. E, também, fica ao seu critério.

Em Identidade, você definirá a Página do Facebook e o perfil do Instagram que veicularão o seu anúncio.

anúncio facebook ads

Em Configuração do Anúncio, você vai escolher o formato entre os 3 disponíveis: imagem ou vídeo único, carrossel ou coleção.

Neste exemplo, vamos usar “Imagem ou Vídeo único” para ficar mais fácil.

anúncio facebook ads

Em Criativo do Anúncio, você selecionará a imagem que será usada no seu anúncio.

Para isso, basta clicar em Adicionar Mídia e escolher a primeira opção, Adicionar Imagem.

Se o seu anúncio for em vídeo, é só escolher a segunda opção. O processo é o mesmo.

campanhas facebook ads

Ao clicar em Adicionar Imagem, você será enviado para um “gerenciador de imagens” da sua conta.

Além disso, o Facebook te dá a opção de enviar uma imagem direto do seu computador, caso você tenha uma imagem especifica.

Mas, se você estiver começando agora, a nossa dica é clicar em Imagens da Conta e, em seguida, selecionar a opção Fotos Gratuitas.

O Facebook está conectado a alguns bancos de imagens gratuitas, que te permitem usar as imagens sem pagar nada por elas em suas campanhas.

Essa é uma das melhores alternativas para quem não entende muito de design e quer colocar os seus primeiros anúncios para rodar o quanto antes.

facebook ads

Ao selecionar a opção Fotos Gratuitas, você verá algumas pré-selecionadas, mas também um campo de busca, onde você pode pesquisar por aquelas que tenham mais a ver com o produto que você está divulgando e, mais importante, que seja chamativa para o seu público alvo.

Facebook Ads

Como estamos anunciando um curso de investimentos para iniciantes, a ideia é usar uma imagem que seja direta e, ao mesmo tempo, chamativa para esse público.

Vamos pesquisar pelo termo “Investimentos” e ver o que o Facebook nos oferece.

facebook ads

Vamos selecionar a imagem marcada com a seta, que tem a ver com o nosso produto, um curso de investimentos para iniciantes que desejam começar a construir patrimônio.

Com a imagem selecionada, é hora de preencher o Texto Principal com a nossa copy e o Título com a headline chamativa.

Do lado direito da tela, você pode ver uma prévia de como o seu anúncio será exibido para as pessoas dentro do Facebook.

gerenciador de anúncios facebook

Em Destino, você deixa marcado a opção Site e, logo abaixo, em URL do Site, você insere o link da sua página de vendas.

Em Chamada para Ação você escolhe aquela que mais se adequa ao seu objetivo.

O Facebook Oferece algumas opções, dentre elas a escolhida para o nosso exemplo: Saiba Mais.

As outras são: Solicitar Agora, Reservar Agora, Fale Conosco, Baixar, Obter Oferta e Obter Cotação, além da opção Nenhum Botão.

facebook ads

Em Rastreamento, você pode selecionar aquele que evento que, provavelmente, o seu anúncio pode gerar.

No caso de uma campanha de tráfego, o ideal é que esse rastreamento seja de “Visualizações de Página”.

Por fim, basta clicar no botão verde Publicar, no canto inferior direito da página para publicar a sua campanha!

campanhas facebook ads

Conclusão

Como você deve ter visto, criar uma campanha no Facebook Ads é extremamente simples.

Com o tempo, você vai criando intimidade com a ferramenta, entendendo a importância do Pixel e como trabalhar os seus públicos, sejam eles personalizados, semelhantes ou abertos.

Entender a estratégia para cada um deles e interpretar os resultados para melhorar cada vez mais as suas campanhas.

Esperamos que este artigo te ajude a pelo menos começar a veicular os seus anúncios e, com isso, conquistar as suas primeiras vendas!

Ficou com alguma dúvida? Comente abaixo!

Artigos relacionados