Pular para o conteúdo

A copy é uma estratégia de comunicação extremamente importante para a venda do seu produto e serviço. E, para que você entenda tudo sobre como fazer uma copy de sucesso, nós preparamos um artigo completo sobre isso.

O importante é que você veja todas as técnicas e aplique as que melhor funcionam para o seu negócio.

Vamos lá?

Aprenda todas as estratégias de Copy para ter sucesso em seu negócio

Aqui, iremos abordar todas as técnicas, mas não significa que você deve aplicar todas ao mesmo tempo. Por isso, faça testes e descubra quais são as que convertem melhor para você.

Persuasão

A primeira e principal técnica , é a persuasão. Como você já deve saber, o Copywriting é a comunicação persuasiva. Através dela, você consegue fazer com que o seu cliente ou prospecto tome a atitude que você deseja que ele tome.

E, para que você seja efetivo nesse aspecto, a melhor maneira é entender como a mente das pessoas funciona. Para te ajudar nisso, nós já fizemos um post aqui com todos os Copys Motivators.

Use e abuse dos seus melhores argumentos para converter o seu público.

Estrutura

A estrutura é essencial para que o seu negócio funcione de forma organizada. Porém, quando falamos de estrutura, não significa que você deve usar templates prontos de como montar sua copy.

O ideal é que a sua estrutura seja original e única. Pense em estruturar o seu projeto de acordo com o seu negócio e teste. O que melhor funciona, você mantém, e o que não funciona, você descarta.

Resposta Direta

A Resposta Direta, nada mais é do que provocar o seu prospecto ou cliente a tomar a decisão imediatamente, sem ter que pensar muito sobre isso.

Assim, com essa estratégia você deve utilizar mecanismos que consiga uma resposta instantânea do seu prospecto. E a intenção é que seja uma resposta positiva.

Para que você consiga uma resposta direta, existem fatores que podem te auxiliar:

  • Oferta irresistível;
  • Informações precisas;
  • Um meio fácil de resposta.

Ou seja, você precisa entregar valor ao seu prospecto através de uma oferta que ele veja a necessidade de comprar seu produto, naquele momento. As informações precisam estar simples e completas, para que não haja dúvida quanto ao produto. E, por fim, o seu botão de compra (CTA) precisa estar claro. É necessário que você mostre para o cliente, onde você deseja que ele clique.

Teste

Nada funciona perfeitamente, sem nenhum erro, no primeiro lançamento. Sempre há formas de melhorar e incrementar o seu negócio. Por isso, o teste é fundamental para uma Copy de sucesso.

Teste elementos específicos da Copy e veja o que melhor funciona para você. Existem algumas técnicas que você pode utilizar para isso.

O Teste A/B é um exemplo que funciona muito bem

Nós temos um artigo completo, em que fala sobre a cultura de testes e como você pode fazer estes testes funcionarem para o seu negócio. 

Estudo do público

O seu público é a parte mais importante do seu negócio. Até porque você precisa desvendar os mistérios de descobrir quem é a sua Persona, para que assim você venda mais e para as pessoas ideais.

A regra é clara: se você quer vender para todo mundo, você provavelmente não vai vender. Isso porque não existe agradar um público grande assim.

É por isso que o estudo de Persona e Público Alvo são muito importantes para os negócios digitais. Você precisa saber quem é o seu cliente, para assim, vender de forma efetiva para ele.

Você vai descobrir aos poucos como o seu cliente se sente ao utilizar o seu produto/serviço, o que ele espera que você entregue de valor e o nível de satisfação que ele tem quanto ao seu produto.

Dessa forma, o ideal é saber interpretar os desejos mais secretos das suas personas e utilizar isso ao seu favor.

Pesquisa de mercado

Além de estudar o seu cliente e como ele reage ao seu negócio, você também precisa saber tudo sobre o mercado que está trabalhando. Isso faz com que você não entre no jogo sem saber o que está acontecendo.

É importante que você tenha um “norte” do que deve fazer.

Para isso, separamos alguns tópicos indispensáveis na sua pesquisa de mercado:

1. Estude os seus concorrentes

Para que você entenda melhor sobre o mercado que está atuando, você precisa estar atento ao que os seus concorrentes estão fazendo.

Este estudo não deve ser feito apenas uma vez. Esteja sempre renovando os seus dados e a sua pesquisa. Quanto maior os detalhes, mais completa a sua pesquisa.

Por isso, fizemos um checklist com todas as questões que vocês precisam saber sobre os seus concorrentes. Veja:

  • O que prometem?
  • Quais dores curam?
  • Quais objeções os clientes têm?
  • O que eles entregam?
  • Como entregam? (no digital ou através de logística)
  • Quais são os seus pontos fortes?
  • Quais são os seus pontos fracos?
  • Qual é a sua Proposta Única de Valor?
  • Quais são as suas garantias?
  • Quais são os seus bônus?
  • Quais são os seus preços e condições?

Através de todas essas respostas você consegue tirar grandes insights para o seu negócio. E assim, reformular as suas fraquezas e pontos fortes, baseados na sua concorrência.

2. Estude o seu produto

Todo este processo feito para estudar a sua concorrência é necessário ser feito com o seu próprio produto. Ou seja, depois de recolher todas as respostas dos seus concorrentes, para as perguntas acima, você responderá as mesmas questões voltadas ao seu negócio.

Assim, o cruzamento dessas informações pode ser extremamente rico para que você ajuste os principais pontos.

3. Analise 3 respostas

Existem algumas questões que os seus clientes querem saber de você. E é por isso que você precisa analisá-las com cautela e munir o seu cliente de respostas, sem que eles precisem de fato perguntarem para você, ou para o seu suporte.

As perguntas são:

  • Por que o seu produto é melhor do que o do seus concorrentes?
  • Por que devo acreditar em você?
  • Por que eu deveria comprar agora?

A sua Copy precisa responder essas questões, de forma fácil e simples. Dessa maneira, o cliente retira do seu subconsciente quaisquer objeções para deixar de comprar.

4. Invista em estratégias

Para que as suas pesquisas sejam mais completas, existem outros 3 pontos que devem ser levados em consideração. Afinal, eles são responsáveis por atrair ainda mais o cliente. Veja:

  • Prova social
  • Amostra grátis / Teste grátis
  • Dados científicos

A prova social é uma excelente estratégia para convencer o seu prospecto de que o seu produto realmente funciona. Para isso, pegue casos reais de pessoas que conseguiram resolver os seus problemas com o seu produto.

Isso gera credibilidade para a sua marca. Mas não se engane, a prova social deve ser feita de acordo com a persona do seu negócio, que você analisou anteriormente.

Até porque não adianta você produzir um creme anti rugas e como prova social utilizar uma pele de uma menina de 16 anos para mostrar o resultado. Claramente o público não será o mesmo e o seu produto passa a não ser interessante.

Já a amostra grátis ou o teste grátis faz com que as pessoas deem uma maior importância ao seu produto. Isso desperta o gatilho da reciprocidade, ou seja, as pessoas querem te retribuir, porque você deu, de graça, uma amostra do seu produto/serviço.

E os dados científicos são aliados fortes, para ganhar um reconhecimento e atenção do seu prospecto. Pense bem, você provavelmente daria mais credibilidade a um produto se saísse um dado científico de que 90% das vezes ele funciona perfeitamente, correto?

Assim como você, o seu cliente provavelmente também daria credibilidade e até mesmo aumentaria o interesse.

Pensar nessas estratégias e aplicá-las ao seu negócio pode ser uma grande sacada, para que você construa um relacionamento duradouro com o seu cliente.

Proposta Única de Valor

A PUV (Proposta Única de Valor) é uma parte primordial em sua Copy. É através dela, que você mostra para o cliente que o seu produto é o melhor do mercado.

Ou seja, a PUV, nada mais é do que encontrar o ponto mais forte do seu negócio, o diferencial competitivo que te difere de todos os outros concorrentes.

Explorar este benefício pode gerar muito valor ao seu negócio e aumentar bastante as suas vendas. Mas não se esqueça, para que o seu argumento funcione, você não pode se esquecer do primeiro item: a Persuasão.

Big Idea

A Big Idea consiste em uma grande ideia para o seu negócio. E para que isso funcione, você precisa de alguns elementos:

  • Grande Ideia;
  • Grande promessa de transformação;
  • Uma ideia única, original e inesperada;
  • Ela precisa soar como nova e fresca;
  • Precisa ser específica, concreta e tangível;
  • Você precisa surpreender o seu público;
  • Use uma comunicação fácil de entender.

É necessário que você una todos estes elementos em sua Big Idea. Sendo assim, faça tudo de forma única: Uma ideia, uma história, uma promessa e um pensamento.

Além disso, tente fazer com que o seu produto ou a sua ideia seja emocionalmente atrativa e interessante. Dessa forma, você elimina ainda mais as objeções.

Promessa

A promessa é a alma do anúncio. Com ela, você tem o potencial de aumentar a expectativa do seu prospecto ao comprar o seu produto.

Por isso, a sua promessa precisa estar alinhada com a qualidade do seu produto. Não prometa o que você não consegue cumprir.

Mas use o melhor benefício do seu produto e a Proposta Única de Valor dele e faça uma promessa matadora.

Assim, provavelmente o seu prospecto irá desejar o seu produto.

Headline

O Headline é o topo do seu texto. É como se fosse um título, porém, deve ser a parte mais chamativa da sua Copy.

Assim, o seu Headline precisa fazer com que o seu seu prospecto pare tudo o que ele estava fazendo para ler o que você escreveu. E com isso, ele queira ler o restante da sua Copy.

Por isso, capriche nessa parte e lembre-se: quanto mais curta melhor. Então, o desafio é passar, em poucas palavras, um título chamativo, curioso e completo.

Para facilitar, iremos te mostrar o que não pode faltar na sua Headline, com os 4 Us da Headline:

  • Útil – Comunique algo que tenha valor para o prospecto
  • Urgente – Precisa estar explicito ou implícito
  • Ultra específico – Seja tangível
  • Único – Deve soar como algo completamente novo.

Oferta

Para construir a sua oferta, lembre-se da Pesquisa de Mercado que você fez. É necessário que a sua oferta seja irresistível. Afinal de contas, é isso que conquistará o seu prospecto.

Para que você consiga chegar neste resultado, você pode utilizar algumas técnicas, em sequência, para chegar a uma oferta irresistível:

  1. Preço ancorado;
  2. Motivo para desconto (o seu prospecto não irá confiar em você se você entregar um desconto sem nenhuma explicação. Por isso, dê um motivo a ele para que o desconto seja feito);
  3. Valor com desconto;
  4. Mostre quantos reais ele está economizando;
  5. Mostre a porcentagem de desconto;
  6. Faça uma comparação com algo trivial;
  7. CTA;
  8. Garantia;
  9. CTA;
  10. Fechamento.

Fechamento

O Fechamento é também uma parte muito importante para que a sua Copy fique completa.

Nessa parte, você terá que partir para o emocional do seu prospecto. Você deve provocar o desejo nele de comprar o seu produto, para que ele não faça apenas se não tiver condições financeiras para isso.

Portanto, abuse dos gatilhos mentais de escassez e urgência.

CTA

O Call to Action (CTA) ou, no português, a Chamada para Ação, é o botão que levará o seu prospecto ao Checkout.

Se tratam de botões ou links que tiram o seu cliente da Copy e levam-o para preencher os dados de cartão ou imprimir o boleto. Sendo assim, os seus CTA’s precisam ser totalmente estratégicos.

Não adianta levar o seu prospecto para a página de Checkout e não prepará-lo para a compra.

Por isso, todos os passos anteriores são muito importantes para que a sua Copy funcione bem.

Essas foram as nossas dicas sobre como montar a sua Copy de sucesso. E se você tem dúvidas de como entrar no mercado digital e quer aprender a fazer um Infoproduto do zero, nós temos um e-book completo para que você chegue a este resultado.

Deixe nos comentários qual foi a dica que você mais gostou 🙂

Artigos relacionados